quinta-feira

Alguém tem um saquinho que dispense?

Infelizmente para mim, sou uma pessoa bastante transparente. Sou ansiosa. Gosto de agir de acordo com os meus valores, de modo a ficar bem com a minha consciência, por muito que isso pareça mal a segundos ou a terceiros. Não sou mentirosa, não consigo mentir, é inato; não gosto que me “experimentem”, que me digam as coisas à espera que eu me "descaía"; detesto não poder ser espontânea e honesta e ter de pensar duas ou três vezes antes de dizer seja o que for; odeio falsa modéstia; não gosto de ironia (e lá em casa, tanto que se luta contra isso!); se há coisa que abomino é a hipocrisia e o cinismo; abomino ameaças. Tenho sérios problemas em avançar e/ou continuar com situações em que não acredito, em que não consigo retirar qualquer tipo de realização. Não consigo, pronto! Não é que não seja persistente, porque até sou em demasia, na maior parte das vezes, mas a minha motivação é, também, alimentada por factores que me são exteriores (não é bom? Eu sei, bem que tento mudar, mas há situações...). E ás vezes, perco a paciência, e isso não é nada bom. Por isso evito situações que me são desagradáveis, que me constrangem, porém, há algumas ás quais é impossível fugir...
Quando me apercebi que tinha estas explosões de impaciência, comecei por contar até 10, para voltar a mim. Actualmente, conto até 500....

399... 400... 401... 402... 403.... 404.... 405 ... 406... 407... 408... 409... 410...

8 comentários:

Stuck in a moment disse...

Sabes que mais?
Às vezes uma explosão ou outra sabem tão bem... :)
Viva a frontalidade, o podermos exprimir-nos sem medo de que os outros tenham medo da intensidade dos sentimentos!!!!

Crix disse...

Olá Stuck in a moment!
Sabe tão bem...! E logo eu que sou tão amiga dessa senhora, a Frontalidade!
O pior é q na maior parte das vezes as pessoas n sabem lidar com a dita senhora e instala-se O Problema!
Aproveito para te desejar um Feliz Natal e um óptimo 2009!
**

Canto Definido disse...

Esses ataques de pânico são terríveis, de tanta acumulação estive fisicamente debilitado num serviço de urgências por 2 vezes, frontalidade sim, mas nunca enquanto num covil cheio de lobos...

Crix disse...

Olá Canto Definido! Bem-vindo à minha "pastilha-cor-rosa"!
Custa mto acumular! Ufff... Prefiro gritar bem alto! E, como se costuma dizer, fujo a 7 pés de "covis cheios de lobos", como lhes chamas! É q n consigo... se tivesse de tar num, acho q ficaria como tu...
Um óptimo 2009(com mta frontalidade e honstidade)!!!

Canto Definido disse...

É como dizes, algumas situações são impossíveis de se contornar...

A situação com os ataques de pânico resolveu-se com o tempo, a minha abordagem é completamente diferente hoje em dia, neste universo blogista é bem mais fácil falar abertamente, mas estou-me a encaminhar para que na vida real também trate de alcançar o mesmo objectivo, é pena que nem todas as pessoas estejam dispostas a aceitarem essa medida, por vezes não me saem as palavras e deparo-me com algum constrangimento, mas estou a aprender rapidamente a derrubar todas as barreiras que vão surgindo ;)

Canto Definido disse...

Ainda faltam uns dias, e nunca jogo as palavras ao acaso, desejo-te um ano de 2009 e seguintes :) cheio de tudo aquilo que quiseres...

Crix disse...

Sabes, aprendi que a frontalidade, ás vezes magoa e pode ser mal interpretada, porém, acredito que é sempre o melhor caminho! Foi assim que consegui os amigos que realmente tenho e adoro! para mim, é mais uma questão de ficar bem comigo própria... dá para entender?

Os votos são expressos hoje pois, amanhã, estarei longe, muuuuito longe!
Voltarei em 2009 ;)

Canto Definido disse...

É a melhor forma, colocas todas as cartas sobre a mesa, se "trabalhas" as tuas amizades da forma como escreves, só podes mesmo te sentir bem com todos os que te rodeiam ;)

Esta projecção tua de sentimentos através dos textos é bastante directa e extremamente agradável de se visualizar...

Só nos conhecemos à uns comentários atrás, mas espero que desfrutes da passagem de 2008 para 2009, bem lá loooonnnngeee :), um abraço....